O Arlekim

uma forma de troca de idéias

Minha foto
Nome:
Local: Rio de Janeiro, RJ, Brazil

" Eu prometo que vou lhe retribuir tudo o que você faz e representa na minha vida..."

segunda-feira, junho 12, 2006

Pousada

E, de repente, algo acontece.

As luzes parecem ficar mais claras, mais próximas, e uma sensação estranha me deixa atônito. Automaticamente por instinto, o filme da minha vida passa e os momentos de alegria ficam mais elucidados, me tranquilizando um pouco mais e vejo q a sensação não era tão ruim assim.
Começo a ver que de repente, tudo fazia um certo sentido, pois a relação positiva entre os fatos bem vividos, tinham uma motivação que me fez sentir feliz.
Em uma vaga recordação, lembro da primeira vez em que senti tal emoção e acredito ser aquele dia o mais importante para a justificativa da minha felicidade.
O azul torna-se mais intenso e a névoa se acizenta embaçando um pouco mais a visão. Procuro meio apressado, lembrar do rosto que brilha no alto da montanha de areia e eu a contemplar no nível abaixo, tendo como pano-de-fundo a luz de um luar e sei que sentirei falta desses momentos de pura alegria e encontro de sentidos, onde realizamos tudo o que imaginamos sem a restrição, mas com o consentimento de quem realmente amamos.
Aos poucos tento me acostumar com a idéia, a lentidão de como o universo demora para escurecer me dá ainda a possibilidade de me descontrair, com as pejquenas discussões bobas sobre algum gosto que temos, com o que queremos cantar ou ouvir, e me tranquilizo por sempre consentir, pois quando algo tinha uma importância, eu recebia a concessão.
E embora saiba que isso não terá uma segunda vez, imagino se teria praticado isso novamente, e me respondo que tudo foi como sempre será, e nada mais existirá.
O eco de um grito ocupa a audição, deixando anestesiada a minha ilusão. Infelizmente não tenho ninguém para compartilhar comigo esse nobre sentimento...
...tudo escurece...

...morri!

Walter Sete

1 Comments:

Blogger renatobonfa said...

po cara sempre fui fa seu. sempre gostei de tudo que escreveu.pois nao somente escreve como sonha algo muito real e me faz realmente viajar e ver como se estivesse realmente presente no seu mundo imaginario,e ao mesmo tempo,me entristeço, pois quando acabo de ler vejo que e irreal porque as letras acabaram.saudades

11:57 PM  

Postar um comentário

Links to this post:

Criar um link

<< Home